Escritores na Feira de Troca Livros

FeiradoLivro1

Assim como ocorreu no ano passado, a Alpharrabio foi convidada a programar atividades ligadas ao livro e à leitura, dentro da programação da 9ª Feira de Troca Livros, uma louvável iniciativa do ABC Plaza Shoopping. Enquanto o prof. Carlos Sereno, contava histórias e entretinha os pequeninos no espaço reservado à Feira, os escritores recebiam os interessados em conversar, receber informações sobre a literatura por aqui produzida e davam autógrafos. A conversa prosseguiu animada por quase 2 horas, não só com o público que, tímido, ainda pouco se aproxima, mas em especial entre os próprios escritores que aproveitaram a oportunidade para trocarem letras e letrinhas. Lá estiveram Antonio Possidonio Sampaio, Alexandra Takara, Deise Assumpção, Filadelfo de Souza, Milton Andrade, Sílvia Passarelli, Valdecirio Teles Veras, Wagner Calmon e esta escriba, todos editados pela Alpharrabio, além de Jurema Barreto de Souza e Zhô Bertholini, editores da Revista A Cigarra e o contista Hildebrando Pafundi. Fátima, do Setor de Marketing do Shopping, gentil, cuidou de todos os detalhes, propiciando o encontro. E, claro, não faltou também aqui, a presença de Luzia Maninha, a documentar tudo (vide fotos do blog, todas dela).(dtv)

FeiradoLivro2

About Dalila

Dalila Teles Veras, escritora, proprietária da Alpharrabio Livraria e Editora
This entry was posted in Lista de Links. Bookmark the permalink.

2 Responses to Escritores na Feira de Troca Livros

  1. Parabéns Dalila & Maninha pelo blog alpharrabio. Ótimo trabalho de divulgação da literatura, prosa & poesia, astes plásticas, fotografia, cinema, teatro e a cultura em geral. O Alpharrabio é tudo. É a casa da cultura do Grande ABC. Tenho orgulho de ser um de seus frequentadores desde de sua fundação. Parabéns pelo aniversário de 15 anos.
    Hildebrando Pafundi

  2. Margarita Lo Russso says:

    Aunque recién hoy descubrí este artículo sobre la feria de “TROCA LIVROS” aquí estamos viviendo el lanzamiento del libro “cien años de soledad” a cuarenta años de su primera edición con el mismo entusiasmo que en 1967. Me emocionó ver a mis queridos amigos reunidos en tan feliz acontecimiento (a Maninha la descubrí está de este lado). Con saudade Margarita