O Reverso do Olhar

olhar

Três centenas de obras do Surrealismo atual, de autores de duas dezenas de países, estarão patentes até 28 de junho, numa exposição em Portugal, inaugurada no último dia 03 de maio. Trata-se de uma co-produção da Editora DEBOUT SUR L´OEUF (do amigo, artista, escritor, livreiro antiquário e incansável promotor cultural Miguel de Carvalho, de quem já falamos neste blog) e Câmara Municipal de Coimbra. Dentre os 17 representantes do Brasil, nas áreas de artes visuais e literatura, gostaríamos de destacar aqui a presença da artista Fátima Roque, de Santo André, amiga e parceira do Alpharrabio que para lá, terra de seus pais, se deslocou, a tempo de participar da abertura.
“O Reverso do Olhar” – exposição internacional de Surrealismo Actual, presta também homenagem aos portugueses que integraram este movimento fundado nos anos 20 do século XX pelo poeta francês André Breton, que tem como figuras cimeiras em Portugal Cruzeiro Seixas e Mário Cesariny, este último falecido há um ano.
O Surrealismo nas artes plásticas portuguesas está ainda representado através das obras de Carlos Silva, Santiago Ribeiro, Seixas Peixoto, Raul Perez, Carlos Martins, Pedro Medeiros, Luís Nogueira, Fernando Lemos, Alfredo Luz, Eurico Gonçalves, Miguel de Carvalho, etc.(…)
Esta exposição mostra os novos protagonistas, e os mais representativos, do Movimento Surrealista Internacional, através de trabalhos de 130 autores, em “collage”, desenho, escultura, fotografia, gravura, “montagens objectuais”, pintura e poesia, representando os países: Indonesia 1; Suissa 1; Romenia 1; Columbia 1; Cuba 1; Mexico 2; Argentina 2; Belgica 3 ; Espanha 5; Canada 6; Inglaterra 6; Holanda 10; USA 11; Chile 11; Portugal 12; Rep. Checa 13; Brasil 17; França 19.
Eis aí a lista completa dos brasileiros representados na mostra:
Alex Januario, collage; Cláudio Willer, Poesia; Deusdedit Morais, Poesia; Fátima Roque (Gssp), Fotografia; Fernando Lemos, Pintura/Fotografia; Heloisa Pessoa, (Gssp), Konrad Zeller, Collage Pintura/Desenho; Maninha Cavalcanti,Pintura; Maria R. Marques (Gssp), Poesia/Escritora; Nelson de Paula, Gravura/Collage; Paulo Leite (Gssp), Pintura; Renato Sousa, Collage/Poesia; Roberto Piva, Poesia; Rodrigo Mota (Gssp), Pintura/Desenho; Rosana de Moraes, Pintura; Sara Avila, Pintura e Sérgio Lima, pintura.
A mostra internacional será exibida simultaneamente em três galerias de exposições do município de Coimbra. No histórico e secular Edifício Chiado (um dos pólos do Museu da Cidade de Coimbra), e em duas salas da Casa Municipal da Cultura.
Pois é, a “globalização” também possui suas vantagens, das quais esta mostra é uma eloquente prova.
(dtv)

About Dalila

Dalila Teles Veras, escritora, proprietária da Alpharrabio Livraria e Editora
This entry was posted in Lista de Links. Bookmark the permalink.

3 Responses to O Reverso do Olhar

  1. isa says:

    Uma das muitas características da arte é, e será, a universalidade.
    Atrevo-me a dizer que reside aí o seu fascínio, o seu poder.
    Logo, nunca necessitou de “globalizações” para se promover.
    Talvez por isso seja tão mal tratada ou interpretada em vários quadrantes.
    Necessita, sim, de apoio estrutural, que olhem não por ela, mas para ela.
    Com mostras desta qualidade, não só o futuro mas também já o presente terá um “olhar” mais radioso.

    Rosana, não posso beber café consigo no “Alphatemplo”, porque tenho que ir ver esta exposição. Também quer vir?
    Quem mais nos acompanha?

  2. Rosana Chrispim says:

    Isa, sorva-a por mim, já que está mais perto. Depois nos conte o que encontrou o seu olhar. Encantam-me os diversos olhares e as diversas possibilidades de cada olhar. A Arte não tem mesmo pátria. Ou as tem a todas!

  3. ana jaqueline de matos says:

    contudo sente emoçao,no coração e mais