Alpharrabio 21 = Ano dois (1994)

1994 01

05 janeiro
Abertura da temporada (5, 12, 19 de janeiro e 16 de fevereiro) de “Nem Tudo que se Deita está Cansado / Aqui Saliva quem Primeiro Grita” – Dois textos teatrais, de 15 minutos cada um, por Arlette Ferreira e Márcio Rui Padoim, da Cia. Espinha de Peixe.

05 fevereiro
“Duo de Violões” – Humberto Nery e Marcelo Vallin – concerto. No programa, peças de Dilermando Reis, Ernesto Nazareth, Schubert, Antonio Rovira, entre outros.

19 fevereiro
“Padre Vieira” – Monólogo com o artista Ayrton Salvanini (adaptação de textos de Os Sermões, de Padre Antonio Vieira)

27 fevereiro
Lançamento da revista Livrespaço nº 8, comemorando o prêmio APCA de “Melhor Realização Cultural de 1993” e que traz entrevista com o dramaturgo Luís Alberto de Abreu, que comparece ao evento.

29 fevereiro
“Sociedade dos Poetas Mortos” – A obra do poeta Oswald de Andrade comentada por Dalila Teles Veras, seguida de debate e de leitura livre de poesia, abrindo projeto que tem por finalidade resgatar, estudar e debater obras de poetas brasileiros.

25 fevereiro
Festa informal do segundo aniversário do Alpharrabio.

12 março
Abertura do curso Música de Concerto para Leigos (16 aulas, todos os sábados) a cargo do maestro Flávio Florence, da Orquestra Sinfônica Jovem de Santo André, voltado para aqueles que gostam de música, mas não são profissionais da área. As aulas esclarecem os principais pontos da história da música ocidental, dando ênfase ao efeito antecessor.

17 março
Abertura da 14ª Parede d´Arte – “Retratos” – de Mariano Teixeira do Amaral Neto. Retratos de personalidades da Região, realizados a partir de fotografias, recriadas a bico de pena (pontilhismo), pela ótica do artista. Paralelamente, Mariano mostra outras facetas de seu trabalho artístico, como panôs e camisetas pintadas a mão.

26 março
“A Palavra In/sensata – Os Bastidores da Criação” – Coordenação da escritora e psicanalista Eliane Fonseca (SP) e da poeta Tânia Diniz (Belo Horizonte). Oficina destinada a todos os interessados no desenvolvimento e pesquisa da escrita literária, priorizando a prática da composição poética, através de determinadas atividades que permitem avançar para muito além da inspiração. Ambas autografam seus respectivos livros.

29 março
“Os Homens são todos Iguais”. Show de Carlos Careqa, compositor, músico e ator, que utiliza a sátira e a crítica social em suas letras. O show é composto de músicas do disco do cantor (CD – Selo Camerati). Estréia também do número “Dois Irmãos Siameses”, com a participação do poeta e ator Artur Gomes, onde eles interpretam um poema de Torquato Neto, incorporando o Baiano das Pernambucas e o Carioca das Teresinálias.

1994 02

5 abril
5 a 9.4.94 – Oficina de teatro, coordenada pelo poeta e diretor teatral Artur Gomes, com vistas à seleção de atores para a montagem da peça Elementos em Fúria, de autoria do próprio Artur Gomes

26 abril
26.04 a 21.5.94 – 15a Parede d´Arte – Mares Navegados–4, da artista plástica portuguesa Maria dos Anjos, seguida de workshop. A exposição tem três etapas: na primeira, dois trabalhos de 1 x 1,10 m; na segunda, uma pintura de 2 x 3m e, na última semana, são expostas várias pinturas de 50x60cm, todas em óleo sobre tela.

30 abril
Leitura Dramática do texto inédito do dramaturgo Luís Alberto de Abreu “Ao Terceiro Dia”, tragicomédia baseada na vida de Lima Barreto que faz parte da “trilogia da invenção”, completada por “O Homem Imortal” e “O Rei do Brasil”. A Leitura é dirigida por Solange Dias e representada pela Cia. Trovadores Cênicos.

08 junho
“Fernando Pessoa: 106 Anos” – Comemoração do aniversário de nascimento de Fernando Pessoa, em convênio com o Centro de Estudos Americanos Fernando Pessoa no Brasil, este encontro com a escritora portuguesa Isabel Nogueira Murteira França, sobrinha-neta do Poeta Fernando Pessoa e autora do livro Fernando Pessoa na Intimidade, precedido da palavra do prof. João Alves das Neves, estudioso da obra de Pessoa e Presidente do CEAFP. Exibição de um vídeo sobre Fernando Pessoa.

16 junho
Abertura da 16ª Parede d´Arte, com trabalhos (gravuras) dos artistas plásticos João Antonio Silva Sampaio, Lúcia Ferreira e Ana Amália, do Etr´Atelier.

18 junho
Workshop de gravura com os artistas João Antonio Silva Sampaio, Lúcia Ferreira e Ana Amália.

1994 04

01 julho
Início da nova versão compacta do Curso de Música de Concerto a cargo do maestro Flávio Florence, da Orquestra Sinfônica Jovem de Santo André, ministrado com muito sucesso nos meses de abril e maio.
Flávio Florence possui larga experiência como flautista, na regência de vários grupos, bem como na docência.

17 julho
Jogo Brasil x Itália – comemoração do tetracampeonato mundial de futebol, regada a cerveja e pipoca.
Trecho da “Ata do Tetra”, lavrada por Antonio Possidonio Sampaio: “Ainda emocionado, a convite da Dalila Teles Veras, neste Alpharrabio, onde assistimos a todos os jogos da Copa do Mundo, em que o Brasil se sagrou tetracampeão, vencendo a Itália nos pênaltis, certificamos a nossa presença de torcedores fanáticos, com amor e gratidão ao glorioso escrete brasileiro.”

05 agosto
“A Cia. Espinha de Peixe Apresenta…” Comédia de Azê Diniz. Duas histórias curtas. Direção de Márcio Rui Padoim.

05 agosto
Lançamento do livro Violência, o Brasil Cruel e sem Maquiagem de Hélio Bicudo, jurista e deputado federal, com a presença do autor e sessão de autógrafos.

18 agosto
Lançamento do livro O Torto e o Direito, de Eduardo Bottallo (Alpharrabio Edições). Antologia de 50 crônicas originalmente publicadas entre 1991 e 1993, no Diário do Grande ABC.

13 agosto
“Fernando Pessoa” – espetáculo teatral com Ayrton Salvanini.

23 agosto
Abertura da 18ª Parede D´Arte – com obras do artista plástico português Nuno Mata (bicos-de-pena, gentes e aspectos da beira lusa).

27 agosto
Concerto com o violonista Smith. No programa, canções de Chico Buarque, Tom Jobim, Caetano, Gil e Dilermando Reis.

1994 03

28 outubro
Abertura da 19ª Parede D’Arte – Heinz Budweg – “A Ceia Pataxó”, uma tela em pintura acrílica, 1,50×1,87m, que representa a visão do artista sobre a questão indígena. Budweg foi contratado pela FUNAI para retratar os grandes caciques das muitas tribos brasileiras, para o futuro Museu Nacional do Índio, em Brasília.

11 novembro
Lançamento do livro de poemas Sem Ensaio, de Zhô Bertholini, poeta e artista gráfico andreense.

12 novembro
Ciclo “Arte e história no Cinema” – exibição do filme “Lamarca”, seguida de debate com o prof. Marcelo Buzetto.

18 novembro
“Da modinha à Bossa Nova” – recital musical com Wagner Calmon Ferreira e Mara Forato.

21 novembro
Inauguração da filial da Alpharrabio Livraria Espaço-Cultura, na Praça do Carmo, centro de Santo André.

24 novembro
Abertura da 20ª Parede d´Arte – “Retalhos Imortais do Serafim”, de Artur Gomes, seguida de performance poético-musical com Artur Gomes e Carlos Careqa. Na ocasião, Artur Gomes autografa seu livro Conkretude versus Conkrereção.

1994 05

About Dalila

Dalila Teles Veras, escritora, proprietária da Alpharrabio Livraria e Editora
This entry was posted in Debates Culturais, Personagens, Programação Alpharrabio. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>