Volta ao índice inicial

 

PROGRAMAÇÃO


JUlHO 2017


1º de julho - 11 horas
Lançamento Caderno de intermitências, poemas de RosanaChrispim


11 de julho - 19 horas
Lançamento e Conversa de Livraria


15 de julho - 11 horas
Lançamento e Conversa de Livraria

 
 



JULHO 2017


1 de julho (sábado) 11h 

 

 

A Editora Patuá e a Alpharrabio Livraria 
convidam para o lançamento do livro
Caderno de intermitências, poemas de Rosana Chrispim

 


Caderno de intermitências
 

“Rosana vivencia a poesia no seu cotidiano desde a época do Grupo Livrespaço de Poesia (1983-1994) de intensa e ininterrupta atuação entre os anos 1983 a 1994, que inclui a coordenação de oficinas, co-organização de coletâneas, revistas, boletins e fanzines). Também publicou plaquetes, fora de comércio, posteriormente incluídas nos livros citados, poemas esparsos em jornais, revistas e, mais recentemente, no espaço virtual.

“Vivenciar a poesia” (quer nas leituras constantes, quer na prática de debates ou eventos ligados ao gênero) não significa, neste caso, viver em permanente “estado de poesia”.  Sentidos sempre à espreita, Rosana espera, paciente e atentamente, o momento mais adequado para o salto criativo, ou seja, retirar palavras do “estado de dicionário” e, com elas, elaborar poemas e... poesia (ainda que a poeta conheça bem a diferença entre aqueles e esta e nem sempre a reunião de ambos aconteça “encontro o poema mas não a poesia"), sempre com muita economia de meios, experimentação e rigor de linguagem.“

 

Dalila Teles Veras, no prefácio


 

Sobre a autora

Atualmente vivendo em Valinhos, SP, Rosana Chrispim nasceu em Carandaí, MG, em 1958. 
Formada em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo (1984), trabalhou por quase 30 anos como Produtora Gráfica. 
Integrou o Grupo Livrespaço de Poesia, Santo André, SP e, em conjunto com os demais integrantes, publicou Coletânea Livrespaço II, 1984, Literatuando - Coletânea Livrespaço III, 1985, Subvertida Palavra - Coletânea Livrespaço IV, 1988, e Sete Versus Sete (E se resolvermos falar de amor...) - Coletânea Livrespaço V, 1990.
Foi uma das editoras da Revista Livrespaço, 1992-1993, que ganhou o Prêmio APCA como melhor realização cultural de 1993. 
É de 1996 a plaquete Poética da Essência (Alpharrabio Edições). 
Semelhanças, o primeiro livro solo, foi publicado em 1986 e Entretempo (Alpharrabio Edições), o segundo, em 2003.


 

Serviço:

 

 ESPECIAL

 

Data: 1 de julho de 2017 (sábado)

Lançamento do Caderno de intermitências, poemas de Rosana Chrispim
Horário: 11 horas

Local: Alpharrabio

           Rua Dr. Eduardo Monteiro, 151

           Santo André – SP – Tel. 4438-4358




11 de julho (terça) 19h 

 

 

Lançamento da  
Série Direitos Humanos, Gênero e Diversidade na Escola*
e Conversa de livraria

com Andrea de Paula, Isabela Agrela Teles Veras e Márcia Borges

 

*Ao final do evento, os livros da coleção serão
distribuídos gratuitamente aos interessados".
 

 

A Série Direitos Humanos, Gênero e Diversidade na Escola é composta por livros impressos e digitais, com financiamento do Ministério da Educação – MEC em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania da Prefeitura de São Paulo e a Universidade Federal do ABC. Os livros apresentam boa parte da produção colaborativa de conhecimentos realizada por cursistas, professores/as e pesquisadores/as do Curso de Aperfeiçoamento Gênero e Diversidade na Escola (GDE UFABC). A formação docente continuada em Educação a Distância (EaD, modalidade semipresencial) foi desenvolvida entre os anos de 2015 e 2016, em oito polos da Rede UniCEU (Centros Educacionais Unificados – CEUs – Azul da Cor do Mar, Butantã, Navegantes, Paraisópolis, Perus, São Mateus, São Rafael e Vila do Sol).  

 

A Coleção traz, em seu primeiro volume, um panorama histórico geral e algumas experiências locais e regionais de abrangência nacional, com ampla reflexão acerca das políticas públicas educacionais em Direitos Humanos, Gênero e Diversidade na Escola desenvolvidas pelo MEC e por inúmeras universidades na última década, com formação docente continuada de milhares de pessoas em todo Brasil.

 

Em seis volumes, apresenta também a reunião da produção individual e coletiva de escritos autobiogŕaficos e projetos de educadores/as das periferias de São Paulo e das regiões metropolitanas, em diálogo com quatro Eixos Temáticos: Diversidade; Gênero; Sexualidade e Relações Étnico-Raciais. Outros quatro volumes trazem resultados de pesquisas e práticas metodológicas sobre Danças Circulares e Diversidades Culturais: Educação para uma Cultura de Paz; Gênero e Diversidades Sexuais; Saberes Interdisciplinares sobre Gênero e Relações Étnico-Raciais no Cotidiano e na Cultura Escolar; e História Oral e Audiovisual e as Experiências e Protagonismos nas Entrevistas Autobiográficas de Educadoras/es da Periferia de São Paulo.

 

Todos esses onze volumes da Coleção também estão disponibilizados em formato digital, contendo diversos artigos e outros materiais didáticos aqui na DigitalPlural.  

O projeto Gênero e Diversidade na Escola, desenvolvido em uma parceria entre o Ministério da Educação, a Universidade Federal do ABC e as Secretarias de Direitos Humanos e Cidadania da Prefeitura de São Paulo desenvolveu um curso de aperfeiçoamento voltado para educadoras/es e pessoas da comunidade escolar dispostos a construir novos conhecimentos e autoconhecimento por meio de quatro eixos temáticos:

 

Diversidades

Gênero

Sexualidades

Relações Étnico-Raciais

 

A metodologia foi desenvolvida a partir da elaboração de escritos autobiográficos em diários, constituindo um memorial em que cada cursista pode relacionar sua própria história de vida e experiências pessoais com essas temáticas, reunindo elementos de suas vivências e aprendizados para a construção de um projeto de intervenção.

 

Nosso objetivo é sensibilizar a comunidade escolar para esses saberes, interseccionalizando categorias de análise da realidade social para produção de novos conhecimentos em práticas educativas e culturais, transformadores do cotidiano escolar. Buscamos favorecer uma formação humana integral, voltada para o aprendizado, a compreensão e o convívio com as diferenças, não permitindo que estas sejam transformadas em desigualdades, combatendo assim todo tipo de preconceito e promovendo uma cultura de paz, o reconhecimento das diversidades culturais com garantia de direitos humanos.

 

Serviço:

 

Conversa de Livraria e lançamento da
Série Direitos Humanos, Gênero e Diversidade na Escola
Ao final do evento, os livros da coleção serão distribuídos gratuitamente aos interessados
.


Data: 1
1 de julho de 2017 (terça-feira) 19 horas


Local: 
Alpharrabio

           Rua Dr. Eduardo Monteiro, 151

           Santo André – SP – Tel. 4438-4358




15 de julho (sábado) 11h 

 

 

A Alpharrabio Edições
convida para o lançamento do livro
A Mulher Antiga, poemas de
Dalila Teles Veras

 


a mulher antiga

 

Alpharrabio Edições lança a mulher antiga, de Dalila Teles Veras, primeiro número da coleção “PerVersas – Literatura de autoria feminina”.

 

No próximo dia 15.07.17, às 11h00, na sede da Livraria Alpharrabio, em Santo André, decorrerá o lançamento, seguido de uma conversa com a autora.

  

Este primeiro número da coleção “PerVersas – literatura de autoria feminina” é composto por uma série de 30 poemas retirados de um diário manuscrito  da autora do ano 2015 (1º a 30 de setembro). Revistos e ligeiramente modificados, os poemas foram datilografados pela autora numa máquina Olivetti Studio 45, sua companheira de letras desde 1976 e, digitalizados, reproduzidos no livro.

 

A ideia da coleção, que tem como proposta reunir textos (poesia, crônica, conto, ensaio) contemporâneos, surgiu das discussões em torno da invisibilidade histórica das mulheres escritoras, decorridas nos encontros “Sábados PerVersos – a poesia em questão”, leituras críticas de poesias, evento mensal da livraria Alpharrabio, criado em novembro de 2014 e que desde então reúne um número expressivo de participantes de forma ininterrupta, sempre no último sábado de cada mês, às 11h00.

 

Trata-se de uma coleção de pequena tiragem, que pretende, além do conteúdo, dar a cada volume características também de objeto gráfico artístico. A coordenação editorial é de Dalila Teles Veras e a concepção gráfica e criação manual é de Luzia Maninha. A tiragem de cada edição é de 92 exemplares, numerados e assinados pelas suas respectivas autoras.

 

Já foram convidadas dez outras mulheres para comporem os próximos números. Dois novos títulos da coleção já entraram em produção, Cavalos de Tróia, de Conceição Bastos e Relíquias do Anjo, de Deise Assumpção, poetas residentes em Mauá. O lançamento dos novos livros está previsto para o encontro de Sábados PerVersos do mês de agosto próximo, ou seja, 26.08.2017.


 

Sobre a autora
 

DALILA TELES VERAS - Publicou 12 livros de poesia, dos quais destacam-se solidões da memória (Dobra Editorial/Alpharrabio Edições, 2015); estranhas forma de vida (Dobra Editorial/Alpharrabio Edições, 2013) À Janela dos Dias, poesia quase toda (Alpharrabio Edições, 2002), livro que marca seus 20 anos de publicação literária. Publicou ainda A Vida Crônica e As Artes do Ofício - um olhar sobre o ABC, ambos de crônicas, originalmente publicadas no Diário do Grande ABC, no período de 1995-1999, quando assinou a coluna semanal “Viaverbo” no Caderno “Cultura & Lazer”. Publicou, ainda, dentre outros títulos, dois diários, Minudências – na Coleção Imaginário, Alpharrabio Edições, 1999 e Diuturnos, um diário literário no ano 2000. É também autora dos livros de ensaio "Seduzir para a poesia - Trajetória do Grupo Livrespaço 1983-1994" e "Alpharrabio - 12 anos, uma história em curso" dentre outros.

Tem poemas traduzidos em revistas literárias nacionais e estrangeiras e colabora com a imprensa cultural há mais de três décadas. Foi uma das fundadoras do Grupo Livrespaço (1982-1993), grupo literário de intensa atuação na divulgação da poesia brasileira e que, entre outras publicações, editou a revista literária Livrespaço, ganhadora do Prêmio APCA 1993. Dirige a Alpharrabio Livraria e Editora, com sede em Santo André, uma referência cultural na região que há 25 anos promove ininterruptamente atividades culturais, debates, encontros, leituras e apresentações artísticas,. É filiada à União Brasileira de Escritores, São Paulo, entidade onde ocupou os cargos de Secretária Geral, Diretora e membro do Conselho. Residente em Santo André desde 1972, cidade que lhe outorgou, em 2002, pela Câmara Municipal, o título honorário de “Cidadã Andreense”.

 

Serviço:
 

Lançamento do livro a mulher antiga, de Dalila Teles Veras,

Coleção PerVersas – Literatura de autoria feminina,

Alpharrabio Edições

Data: 15.07.2017, sábado

Horário: 11h00

Local: Livraria Alpharrabio

R. Dr. Eduardo Monteiro, 151 (altura do nº 1000 da Av. Portugal) - Jardim Bela Vista - Santo André, SP 4438-4358





 horário de funcionamento

de segunda/sexta, das 13 às 18h30

sábado, das 9h30 às 12h30

 

ATENÇÃO

Nosso endereço:
 Rua Eduardo Monteiro, 151 - Jd. Bela Vista
Santo André - SP - Brasil

Fone: (11) 4438.4358 - e-mail: alpharrabio@alpharrabio.com.br

www.alpharrabio.com.br

 

Visite a Livraria e o Café Alpharrabio

Índice | Livraria | Editora | Centro Cultural | Abecês | Mapa do Site | Envie o seu comentário